O Agronegócio no Brasil

A agropecuária brasileira é um bem gigantesco, um campo cheio de oportunidades de investimento e desenvolvimento.

O Agronegócio no Brasil tem uma expressiva participação na economia do país e representa aproximadamente 22,15% do PIB em 2012. Atualmente o país ocupa notável posição mundial na produção agroindustrial.

Características e Diversidades

O Brasil é um país com vocação natural para o agronegócio devido às suas características e diversidades, principalmente encontradas no clima favorável, no solo, na água, no relevo e na luminosidade.
Com seus 8,5 milhões de km o Brasil é o país mais extenso da América do Sul e o quinto do mundo com potencial de expansão de sua capacidade agrícola sem necessidade de agredir o meio ambiente.

Condições favoráveis para o Agronegócio no Brasil
  • Disponibilidade de terras agricultáveis
    (atualmente apenas 7,3 % da área total é utilizada)
  • Abundância de água
  • Tecnologia de ponta
  • Luminosidade
  • Clima favorável
  • Solo
Desafios a serem vencidos
  • Infraestrutura e logística
  • Legislação tributária complexa
  • Recursos financeiros inadequados
  • Gestão empresarial
  • Mão de obra
  • Concentração em grandes empresas

A Importância do Agronegócio no Brasil:

Nos últimos 20 anos, a área plantada com grãos cresceu 37% e produção, mais de 176%.

Balança Comercial Brasileira

(US$ bilhões – FOB)
Período Exportações Importações Saldo Geral Saldo Agronegócio
2000 55,119 55,851 -0,732 14,811
2001 58,287 55,602 2,685 19,016
2002 60,439 47,243 13,196 20,347
2003 73,203 48,326 24,878 25,848
2004 96,677 62,836 33,842 34,134
2005 118,529 73,600 44,929 38,416
2006 137,807 91,351 46,457 42,727
2007 160,649 120,617 40,032 49,696
2008 197,942 172,985 24,958 57,714
2009 152,995 127,722 25,272 54,800
2010 201,915 181,768 20,147 63,000
2011 256,040 226,243 29,796 77,510
2012 242,580 223,142 19,438 79,408
2013 242,178 239,617 2,561 82,907